segunda-feira, 6 de agosto de 2012

LEMINSKI

Azuis como os sorrisos das crianças
e pesados como os provérbios das velhas
anos cultivei a idéia do poema,
coisa inteira, ovo, ânsia e antena,
meus poemas são idéias
ontem, coisa inteira, hoje, apenas manchas

Paulo Leminski

Nenhum comentário:

Postar um comentário