domingo, 24 de agosto de 2014

TRAVESSIAS


HELENA - Hoje acordei com a sensação de que havia esquecido de fazer os cuidados de um nosso morto, mas não encontro qualquer rastro de enterro e começo a duvidar de que sepultei, em qualquer ocasião, um corpo em nosso cemitério. Sei que faz tempo que nem uma criança nasce, nem uma vida acaba nessa aldeia, mas me ajude a lembrar, não deixe que eu não cumpra com minhas obrigações de guardiã dos que já foram.

EULÁLIA
tenho esquecido do tempo para poupar as dores
Helena
os fluídos escorrem em nós pra fazer circular a história
sei dos peixes suas cantigas e tenho ouvido para seivas
as vacas pastoreiam e encarnam nossa fome
tudo assim vai enredando até desaguar no mistério
ou mar é começo do que somos?

HELENA - Esquecer é um dom, já que o que passou não existe mais. Mas lembrança repetente, você bem sabe, irmã, é resto que ainda sobrevive. E quando restos ainda moram em nós, se não viram cicatriz, viram moléstia.

--------------------------------------------------------

Texto meu estreando em Piracicaba!! Obrigado, Forfé!

E quem está em Piracicaba. E quem está a fim de conhecer Piracicaba. E quem quer assistir o trabalho das águas. Vá para esta cidade assistir "TRAVESSIAS".

Espetáculo teatral Travessias, com o Grupo Forfé de Teatro.

Local: Casa do Povoador

Quando: de 16 de agosto a 28 de setembro, aos sábados e domingos, excetos nos dias 30 e 31 de agosto e 20 de setembro

Horário: sempre às 19h

ENTRADA GRATUITA com retirada de ingresso meia hora antes de cada apresentação. Serão distribuídos apenas 28 ingressos por sessão, sendo 14 para o público masculino e 14 para o público feminino. Por se tratar de um espetáculo processional haverá translado para o Engenho Central. Em caso de chuva não haverá apresentação do espetáculo.
Classificação indicativa: 16 anos

Maiores informações: forfeteatro@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário